...devoção à Pachamama

...devoção à Pachamama

Seja bem vindo!!!!

A esta tentativa da humanidade sensível de criar uma comunidade espiritual, solidária e leve...com devoção à Vida, a esta existência como bandeira e a consciência grupal como exercício, seguindo nosso coração como guia...tentando, tentando viver em amor e liberdade.


Lucidor Flores

sábado, 14 de dezembro de 2013

nosso sonho atrevido...


Cual es o problema de ser un ser humano, con a cualidad de ser humano?
No interesa ser el melhor , sino melhorar... siente a consciencia, e sua capacidad de tomar decisões... Decide, saborear a agua, o Ser da Vida... saborear tu propio Ser, e desfrutar...
Esta es a enseñanza do Ayllu, es profundo, mas somente tu podes verla, abrete a sentir e praticar as enseñanzas sagradas dos Andes, dos Himalayas... asi, liberamos a la Vida do dor... da ignorancia....
Hay un atrevimiento en nosso Ayllu, que llamamos Nación Pachamama... porém, esse sonho corajoso es tan bello como profundo, incluye a todo, no tein fronteras, e vence os mecanismos mentales, que hacen fugar al Ser da Vida...
Hay una primavera chegando... siente seu beijo azul...
lucidor

domingo, 22 de setembro de 2013

22 de setembro....


Abre teu coração... 
Deixa sair o potro indomado de teu espírito.
Floresce hoje, estrelando, estrelando, 
vibrando esta primavera!
Lucidor Flores

Diário das Delícias

www.misticaandina.com.br

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Uma totalidade em movimento...

Tudo o que fazes, o fazes ao Todo, tudo o que é “teu”, é de todos, e tudo o que os demais sofrem, tu o sofres.
Meditar em profundidade e irradiar, é maravilhoso serviço devocional. Claro, ninguém verá esta irradiação, mas é mais vital do que parece.
Ajudar aos que sofrem é um glorioso jeito de viver. Não há diferença entre nós. Quando nos sentamos e sentimos dentro, atravessando o dragão da ansiedade e do controle, todo o universo está ali, a vida toda pulsa em nosso ser.
Dancemos com a vida, e ajudemos com o poder de sentir que ajudando nos ajudamos, eu e o outro não existe, somos todos um... uma totalidade em movimento, dançando e intentando entrar no reino da Nación Pachamama!
Lucidor Flores
AS DANÇAS DO SUSPIRO - Prática dos 21 dias
www.misticaandina.com.br

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Dançar com a vida!!!

E o que é dançar??
É intentar, com todo o coração, com toda a mente, e com o corpo, ser presença, e fluir, dançar no poema arco-íris do instante presente, e intentar e intentar, até que o gesto seja espontâneo e a dança surja de todos os átomos que querem vibrar em harmonia e unidade...
É uma tarefa de guerreiro espiritual recuperar a espontaneidade, fomos habituados a fazer algo em função de uma outra coisa, ou alvo, e assim, criamos essa aridez e luta... a ser virtuoso em função da respeitabilidade, a resolver o tema econômico por medo da pobreza, a estar com alguém para não estar sozinho, tudo isso cria insatisfação, e te impede de estar pleno, completo...
Intentar, a cada instante, fazer o que estamos fazendo como uma dança, inteiros, com mente, coração, instinto e alma nos dá a espontânea fluidez de fazer tudo como um jogo, na total luz da essência viva, presente...

Assim, surge natural a beleza de todo ser e situação… e a dança é em si mesma, sem estar conectada com nada como uma causa ou um efeito… é tão simples, mas me sinto inábil para pôr em palavras, iremos descobrindo isso no caminho…
Lucidor Flores
AS DANÇAS DO SUSPIRO - Prática dos 21 dias

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Dançar com a vida...


Neste tempo te peço que dances com tudo o que acontece, assim, seguimos o que o Anjo dançante do caminho ensina:
O SER DANÇANTE OLHA NA CASUALIDADE A SUA CAUSALIDADE E, ASSIM, MEDITA, SENTE E FLUI...

Sim, querido peregrino dançante, neste tempo, entras em um momento de hierofanias, de especial atenção de tua alma, e do teu anjo solar em ti, e toda casualidade é algo inédito e sagrado. Aprende, observa e dança... flui com o que És! Este aprender a ser fluido com o que é, por nenhuma circunstância, o tome como uma flacidez, nada disso, é a tensão justa, o ponto justo em que a música é sintonizada e flui como néctar de compreensão em tua consciência... reflete sobre isso... Lucidor Flores 
Prática dos 21 dias  - AS DANÇAS DO SUSPIRO - Pachamama, a casita que baila

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Amados Bailarins, vamos semear!!!!


domingo, 16 de junho de 2013

El cheiro del corazón pulsante...

Hay una musica con um cheiro, chegando, e tocando esa parte dentro de ti, que sabes, adora danzar!
O cheiro a casita, a voltar a la casa, toca esa parte tua de celebrar, danzando e uniendo as dualidades que te facen sufrir.......
Essas dualidades que te han feito perder vida, amado, vida... e el viento que chegou con tanto amor e convite e no danzamos, sino, hemos fixado posição e assim, o deus das razones se engordou con nossa ofrenda inconsciente e rígida.....
Amados, amaditos, comienzo a sentir estes 21 dias, con o corazon con cheiro a rosas e aromitos, essa árvore misteriosa e inocente dos montes, con o aroma da humilde victoria sobre as dualidades escribo e me filtro suavemente nos agoras de muitas consciências convidandolas a danzar....
Cuando chegas a esta casita que baila, a mística, tu corazon es tocado pela mão de ternura do maestro, e assim te entusiasmas e te abres a una nova esperanza.....
Esta casita ten musica, cheiro e convida a bailar, e a aliviar o cansado corazón.....
Dentro de ti, de mim, da vida vibrante de cada ser, hay un centro sin centro...onde espera con ânsia, esse sercito que só quer danzar e cantar e celebrar.......a este indiecito, gotinha de água sagrada estou convidando al bailongo da vida.....
Sim, esta casita en que vibramos palavras como mística andina, comunidade camponesa, nación pachamama, inty raymi, uaiki, revolucion, adelante, discípulo, palavras antigas e belas....que como grandes mães cósmicas, levan dentro de si o convite a danzar e as antigas músicas dos ancestrais, dos avós que convidan a danzar ao som do tambor, con a luz das estrelas.....con o animo de un guerreiro que sabe que ainda morra, dará una danza bela e impecável nesta vida emprestada...
Anda, en este dia, sonando a musica amada das quenas e tambores, en estes morros onde andou o homem celta, o mismo homem andino, e que hoje, me espreita detrás das arvores, detrás das rochas, antigas e bailarinas lentas....
Hay un cheiro chegando desde todos os seres.....el del indiecito gotinha sagrada, que pede ajudenme a sair a danzar, a celebrar, estar na casita que baila, Nación Pachamama.......
Tein mi mão, a possibilidade de mostrarte o beso sutil dos agoras?
Tengo a sensibilidade suficiente, para escribir un librito devocional, que te incite a praticar estar consciente, e aberto, espontâneo e sóbrio, para dar espacio en ti, en nos a la danza?????
Será, será....que a musica, o canto dos antigos abuelos araucanos, chegará límpido e instigante a tu consciência para que saltes de tus posiciones, sejan quais sejan, e unas a todo en una ultima danza antes do voo?
De todos os raios de Inti, nos chega un convite cheiroso, pleno de inocência e juventude, como un beso da primavera.......ven ven dancemos en esta casita que baila.......
lucidor

quarta-feira, 13 de março de 2013

Campanha da Alpaca Azul... pela Nación Queros!

A estrela fugaz da esperança... 
A estrela do silêncio original...
A estrela do silêncio do campo... 
A estrela da nossa Nación...
Queros somos nós... 
Água limpa e fresca 
para um coração sedento...


Queridos sonhadores!!

Escutando os corações e desbravando senderos que nos trazem a Umanidade para nossas vidas, damos Voz ao grito que ecoa por Pachamama e com profundo amor a sagrada tradição que nos alimenta dia após dia, convidamos Uaikis a nos unirmos em solidariedade, amor e AYNI a Nación Qeros.

Em Abril peregrinos caminharão até o coração das raízes dessa latino América profunda, intencionando fortalecer a Aliança entre Nacion Qeros e Nacion Pachamama e, principalmente, colaborar com a comunidade Chalmachimpana que necessita de Ajuda.

E o que é necessário para ajudá-los?

Conheçam a Campanha da Alpaca Azul (hehe) ACESSANDO O SITE e descubra também as formas de colaboração:

assista ao vídeo:

Dá-lhe Negritos, ajude-nos a divulgar esse material entre amigos, redes sociais, grupos de emails e etc. quanto mais pessoas se sentirem parte dessa odisseia, maior a borbulha de amor...

Todos precisamos de todos para preservarmos a irmandade desse sonho divino de Pachamama, cuidemos das nossas raízes.... pela Nación Qeros... adelante companheiros!!!
Com amor e esperança,

ONG PACHAMAMA







sexta-feira, 8 de março de 2013

Pachamama... Não estou só...

A tarde vai se indo, ainda é visível a cidade próxima, depois a outra e quase se vê o mar. Aqui deste pequeno "apu" sente-se paralda a movimentar as nuvens nas mais diversas figuras, que transformam a cada instante nesta constante impermanência. Embora rijas no solo, as frondosas arvores também dançam como num balé, com suas copas num lento movimento se acariciam umas nas outras. As aves passam a procura do seu ninho. A noite vem chegando, brilham as primeiras luzes na cidade e também no céu, nos campos também há brilhos, muitos pirilampos.......enfim neste instante de transição, do dia para noite, de repente tudo se acalma, como que para ouvir Pachamama no seu mais profundo silêncio e sentir-se parte deste todo, ser uno , ser parte do divino. Assim, pode-se estar só mas nunca sentir-se só. 
Num breve retorno, reverêncio,
Om guru deva om
Galahad sandoval
Kuraca puma

domingo, 24 de fevereiro de 2013

É belo o voo da alma humana!


Salve amada irmandade, como estão?
Por aqui, hoje, foi dia de semear, de levar nossas sementes aos vizinhos do Vale Sagrado Arco-íris que, como a parábola do semeador, pode ser que tenha encontrado terra fértil, pode ser que tenha encontrado pedregulhos e terra pouco fértil, mas isto nao importa. Importa nosso coraçao anelante de espalhar as sementes...
E tambem foi dia de contemplação, de observar como está tudo cor de rosa... Sim, por aqui há belos e cheirosos lírios cor de rosa com um suave perfume a enfeitar aqui e acolá, nasceram sozinhos a partir de um bulbo e está muito lindo; tambem há as flores rosas de cinco pétalas do Angico que lembra uma orquídea... Ah como está lindo, tudo rosa... 
E na companhia dos meus filhinhos gatos e do vento forte que anunciava chuvas, testemunhamos aves totalmente entregues as correntes, voando relaxadas  sob um fundo de nuvens cinzas carregadas de eletricidade, prontas a verter suas gotas de maravilhosa umidade...
Isto me fez contemplar em como tudo está em equilibrio, as nuvens que confiam na força do vento criando eletricidade para verter a santa chuva sobre a terra, saciando a sede de todas as criaturas, as aves que confiam na presença do vento para plainarem despreocupadas a embelezarem o céu.... Ah amados, se estamos entregues, podemos aprender diretamente da Vida quando se tem olhos  e tempo para contemplar e aprender com o coraçao.
Estar entregue, me parece, é estar em profundo relaxamento e deixar-se levar confiante com o apoio da Vida...O Ser entregue é aquele que aprendeu a confiar na Vida, deixando de querer controlar tudo. Este estado de total confiança se aprende quando a mente é educada a não querer controlar a Vida e, ao ser treinada a entregar-se, a mente relaxa e passa a confiar no apoio da mãe divina e solta-se para que o coraçáo possa voar com as asas do amor e da liberdade. Assim aprendemos a fluir com os ventos a nos conduzir aonde temos que chegar.... Não é da nossa natureza voar, nao fisicamente, mas nossa alma é uma borboleta azul que sabe voar, basta que retiremos todo o peso de suas asas. E como é belo o voo da alma humana!
Desejo-lhes uma feliz semana, véspera de nossa prática dos 21 dias, o abençoado pão espiritual ,que está por ser repartido entre os esforçados filhinhos de Pachamama. Sirvam-se amados, a mesa está posta.
Om Guru Deva Om
com amor os bendigo 
Nuit Sol
Comadre do clã Sandoval

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013